Segunda-Feira, 11 de Dezembro de 2017 - 08:28 (Artigos)

L
LIVRE

VIDA QUE SEGUE – POR JOSÉ DE ARIMATÉA DOS SANTOS

E assim caminha a humanidade tentando sobreviver e ultrapassar os vários percalços presentes diuturnamente em nosso caminho.


Imprimir página

Pela janela de casa observo um tempo nublado onde as possibilidades de chuva são altas. E assim é a vida. Épocas nubladas e outras cheias de sol. Que muitas das vezes chega a sufocar pela quantidade de calor que pressiona a vida de todos nós. Contudo o tempo nublado sempre deixa um ar de perspectivas de coisas boas para acontecer que é a chuva. E a chuva vem para lavar e tirar a poeira e deixar o ar mais puro e limpo.

E na nossa vida esses fenômenos da natureza estão ricamente presentes. Quantas vezes estamos “nublados” e contemplativos quanto aos rumos que queremos dar as nossas existências. E de repente começam as precipitações pluviométricas de coisas boas a aflorar. Aí a alegria se estabelece, mesmo que em pouquíssimos momentos, pois a realidade cotidiana é sim estabelecida. Estabelecida pelos compromissos diários e inadiáveis do horário do trabalho e os horários dos que tentam se encaixar no mercado de trabalho.

E assim caminha a humanidade tentando sobreviver e ultrapassar os vários percalços presentes diuturnamente em nosso caminho. Pensas que estou a sofrer? Ledo engano. Apenas estou a remoer situações vividas e revividas que perpassam o tempo e me deixa em devaneios. Natural. Todos nós ficamos muitas vezes a pensar e repensar tanta coisa que fizemos e até mesmo que deixamos de fazer. Arrependimentos são naturais, contudo o que aconteceu, aconteceu. Não tem como voltar atrás e modificar o que tem que ser mudado. Vida que segue...!

O importante é saber que passamos por tantos momentos e estamos por aí. Vivo e revivido. E o caminho ainda é longo. Com passos leves e contínuos estamos firmes e fortes. Isso é que é o mais importante. Que tempos menos nebulosos possam encher de vida mais ainda nossas vidas nesses novos dias que estão por vir. A esperança sempre presente e o otimismo perene em cada novo dia que nasce. Essa é a vida. Felicidades para todos nós!

Fonte: 012 - José de Arimatéa dos Santos

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias