Quinta-Feira, 16 de Novembro de 2017 - 18:11 (Agricultura)

L
LIVRE

PROJETO PORTEIRA A DENTRO É APROVADO PELO CONSELHO RURAL DE PORTO VELHO

Cada produtor rural apoiado pelo projeto poderá ser atendido com até 15 (quinze) horas-máquina por ano


Imprimir página

Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural (CMDR), que reúne 26 entidades, entre elas o Incra, Semagric, Sema, Basa, SFA, Seas, Banco do Brasil, Câmara Municipal de Porto Velho, Conab, Embrapa, Emater, Ceplac, Idaron e entidades não-governamentais, que representam variados segmentos do setor produtivo da Capital rondoniense, sob a coordenação da Subsecretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Semagric), se reuniu mais uma vez para discutir estratégias para ações futuras no setor agropecuário na capital.

Durante a reunião, o diretor do Departamento de Desenvolvimento Rural de Piscicultura e Aquicultura, engenheiro agrônomo, Luiz Carlos Meneses, apresentou a proposta de lei que cria o projeto do programa “Porteira a Dentro”. Dentre os benefícios, cada produtor rural (propriedade), apoiado pelo projeto poderá ser atendido com até 15 (quinze) horas-máquina por ano.

O subsecretário da Semagric, Francisco Evaldo de Lima, disse na ocasião que o “Porteira a Dentro” é destinado ao atendimento dos agricultores e produtores familiares do Município, que facilitará o acesso dos mesmos aos recursos da mecanização agrícola e apoio à infraestrutura da propriedade, com objetivo de ampliar a renda, gerando trabalho e manutenção no campo, para evitar o êxodo rural.

“Os produtores rurais que desejarem ser beneficiados com o programa, deverão realizar uma contrapartida que será estipulada em UPF (Unidade de Padrão Fiscal do Município), que é estimado de acordo com a potência e a capacidade de cada máquina na realização dos serviços e com a quantidade de horas e/ou quilômetros a serem desempenhadas e relação de consumo na propriedade”, comentou Evaldo.

A Minuta do projeto de lei foi aprovada por unanimidade pelos conselheiros rurais da capital, que agora seguirá os trâmites legais até a sua aprovação final e publicação.

Fonte: 010 - Semagric

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias