Segunda-Feira, 29 de Janeiro de 2018 - 09:54 (Agricultura)

L
LIVRE

PRODUTORES RURAIS DE VILHENA RECEBEM MUDAS DE CAFÉ CLONAL

Os produtores da agricultura Familiar do município de Vilhena receberam do Governo do Estado mudas de café clonal na tarde de sexta-feira (26), em um evento organizado pela prefeitura e a Emater-RO no antigo prédio do verdurão.


Imprimir página

A expansão do café em Rondônia, a qualidade do fruto e a probabilidade de um bom negócio e de lucro certo, tem chamado atenção de muita gente, desde o produtor da agricultura familiar aos grandes fazendeiros, como o seu Azuil Pacheco, proprietário da fazenda Laço Aberto que participou da solenidade de entrega das mudas de café clonal para buscar mais informações junto aos técnicos e produtores que já aderiam a cafeicultura em Vilhena.

Os produtores da agricultura Familiar do município de Vilhena receberam do Governo do Estado mudas de café clonal na tarde de sexta-feira (26), em um evento organizado pela prefeitura e a Emater-RO no antigo prédio do verdurão.

Pacheco disse que está encantado com as roças de café clonal que conheceu, e com a capacidade de produção. ‘Saio daqui na certeza que essa cultura é um bom negócio e que não posso esperar mais para começar a minha roça de café. Vou comprar a mudas e plantar.”, enfatiza o fazendeiro.

Ao todo, foram entregues 85 mil unidades, destas 42 mil foram destinadas às 40 famílias instaladas na Agrovila Renascer, na RO-399 que tem como missão recuperar a área de 404 hectares, e em sistema coletivo vão trabalhar parte dessa área  com o café.

Evandro Padovani, secretário da Seagri, atribui o fortalecimento do setor produtivo ao empenho do governador, Confúcio Moura em incentivar e apoiar o produtor da agricultura familiar na inclusão de melhoramento genético, animal e vegetal, a exemplo do programa “Plante café”  que até março fecha o ciclo de entrega de 3.750 milhões de mudas de café clonal  em 36 municípios do Estado, e a aquisição de mais 4 milhões de clones  para ser entregue em 2018.

Visando corrigir um hectare de terra das propriedades da agricultura familiar o governo também implantou o programa  Mais Calcário que distribuiu mais de 52 mil toneladas, atendendo a todos os  municípios.

Padovani destacou  investimento do governo estadual na  capacitação dos técnicos e extensionistas da  (Emater-RO), para  melhor atender aos pequenos produtores,   como também a profissionalização dos pequenos agricultores.

Outros fatores importantes ressaltado por Padovani foram as ações do Departamento de Estradas, Rodagens, Infraestrutura e Serviços Públicos (DER), que visam manter a malha viária estadual em bom estado, o que permite a circulação de veículos durante o ano todo, e com isso garante o escoamento da produção nos quatro cantos de Rondônia.

O programa de verticalização da Lavoura, “Plante Mais” é desenvolvido pelo governo do estado por meio da Seagri em parceria com a Suder em conjunto com a Câmara setorial do Café, Embrapa, Emater, Idaron, Sebrae, Senai, Senar, universidades, Mapa, bancos oficiai e Federação e Comissão de Agricultura e Assembleia Legislativa.

O evento contou com a presença da prefeita de Vilhena, Rosangela Donadon, deputado Luizinho Goiebel, os vereadores Rafael Mazieiro e Adillson Oliveira, presidente da Câmara de vereadores, secretários municipais, representantes das associações rurais .

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias