Quarta-Feira, 21 de Fevereiro de 2018 - 15:39 (Política)

L
LIVRE

PRESIDENTE DO TJRO PARTICIPA DA ABERTURA DAS ATIVIDADES NA ALE

O presidente afirmou que o Judiciário está à disposição da sociedade, sobretudo nos casos em que o Legislativo tem se dedicado, como à população ribeirinha, muitas vezes vulnerável. “Juntos podemos proteger essas pessoas”.


Imprimir página

O presidente do Tribunal de Justiça de Rondônia, Walter Waltenberg, participou, na tarde desta terça-feira, da abertura do Ano Legislativo 2018, realizada no auditório da Assembleia Legislativa de Rondônia. Convidado a participar da mesa de honra das autoridades, o presidente do TJRO parabenizou o presidente da Assembleia, deputado Maurão de Carvalho, e o governador de Rondônia, Confúcio Moura, “pela trajetória de sucesso e empenho para que o Estado saísse de uma posição triste e desfavorável para uma posição confortável e promissora”.

A situação socioeconômica de Rondônia foi citada pelo presidente do TJRO como “completamente dissociada do cenário nacional pois, graças ao trabalho dos representantes dos Poderes, caminhando em harmonia, o Estado apresenta ótimos resultados e se destaca perante as outras unidades da Federação”.

Waltenberg destacou, ainda, o papel do Ministério Público e do Tribunal de Contas do Estado que, por meio de seus representantes, também presentes na solenidade, colaboraram significativamente nessa trajetória, “onde a busca pelo melhor para a administração pública é notável”.

O presidente afirmou que o Judiciário está à disposição da sociedade, sobretudo nos casos em que o Legislativo tem se dedicado, como à população ribeirinha, muitas vezes vulnerável. “Juntos podemos proteger essas pessoas”.

Em seu pronunciamento, o desembargador reafirmou o esforço do Tribunal de Justiça pela união entre os poderes, “a fim de superar problemas, transpor obstáculos e construir um Estado forte juntamente com o Legislativo que hoje funciona e trabalha em prol do povo”.

Fonte: 012 - Assessoria de Comunicação Institucional

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias