Quarta-Feira, 31 de Janeiro de 2018 - 21:10 (Colaboradores)

L
LIVRE

POLÍTICA & MURUPI: LULA PERDE MAIS UMA

Lula é tido como o mais novo “bode de bicheira” do país. Ontem o presidente do STJ, ministro Humberto Martins, sobre quem os petistas punham esperanças num voto favorável, negou provimento ao HC preventivo.


Imprimir página

FRASE DO DIA:

“Depois que abre uma estatal, você não fecha mais. O que faz Telebras, Infraero, Valec?.” – Elena Landau, tucana que deixou o PSDB depois do rolo do Aécio Neves.

1-Agência desregulada I

A ANP - Agência Nacional de Petróleo autorizou postos de todo o Brasil a vender, “gasolina formulada”. Na boa: a ANP autorizou a picaretagem existente. “Comum ou aditivada? diz o frentista faz tempo. O aditivo é o solvente da “formulada”, ou um composto que imita a gasolina comum.

Como rende 15% menos e causa danos, o Procon carimba a safadeza, mas faz um alerta tão necessário e relevante quanto aquela foto de criança doente em maço de cigarro: “deve ficar claro para o consumidor o que está comprando”. É a treva!

2-Agência desregulada II

“A ANS esclarece que a normativa que regulamenta a contratação de plano de saúde por empresário individual visa proteger o beneficiário, garantindo mais segurança jurídica e transparência ao mercado”.

Isso aí é parte da nota da Agência Nacional de Saúde. Com a nota veio a tabela que mostra o faturamento das operadoras em 2016: R$174,8 bilhões e multas: 0,09% do valor faturado. Tradução: a ANS que em tese deveria regular, atua para proteger a operadora, a menos que o serviço prestado tivesse uma excelência da ordem de 99,9%. Veja o quadro, tire suas conclusões e torça pela melhora do SUS. É a treva!   

3- Lula perde mais uma

“Água ladeira abaixo, fogo ladeira acima e vitalina quando resolve casar ninguém segura”, “um cão danado, todos a ele” e vai por aí. A sabedoria popular mostra o momento que vive Lula. Os caminhos estão se fechando e mesmo sendo um nome palatável nalguns nichos para a eleição 2018, as chances são contra ele.

Lula é tido como o mais novo “bode de bicheira” do país. Ontem o presidente do STJ, ministro Humberto Martins, sobre quem os petistas punham esperanças num voto favorável, negou provimento ao HC preventivo.

4-Conta outra ministro

O ministro Jungmann da Defesa revelou algo “top secret” que ninguém sequer sonhava: o sistema de segurança pública no país está falido. Vixi! “O que estamos vivendo hoje é o feito não apenas da falência do desenho deste sistema, mas [...] de muitas outras razões. O crime se nacionalizou. Mais que isso, se transnacionalizou. Então, não é no espaço da unidade da federação que vamos resolver o problema da grande criminalidade”.

Só faltou ele dizer que nossas fronteiras estão abertas, que as Forças Armadas estão sucateadas, que Lula pode ser preso e que vai ter carnaval. É segredo por demais da conta véio!.

5-Futuro broxante

“É fato venéreo”, diria Paulinho Gogó. Há 8 meses da eleição e o Brasil está desanimado. O Datafolha diz que os votos brancos, nulos e indecisos somam 36% do eleitorado em um cenário sem Lula. O total dos sem candidatos, afastado Bolsonaro na liderança com18%, é o dobro da sua liderança e igual à soma dos quatro cavaleiros do Apocalipse (Marina com 13%, Ciro com 10%, Alckmin com 8% e até Luciano Huck com 8%). Para quem aprecia um bom desmantelo é esse aí. Nem o professor Francisco Matias se arrisca numa dessa!                             

6-Pinguela estreita

Temer continua tentando passar a pinguela, mas se complica a cada passo. No “baculejo” da Caixa Econômica ainda pode sobrar pra ele. As  investigações continuam, mesmo após o afastamento definitivo de 3 dos 12 vice-presidentes do banco, e podem implicar o Temer, segundo fonte do MPF.

Pedindo anonimato disse que o governo deu passos para melhora da governança ao mudar o estatuto, tirando do presidente da República a prerrogativa de nomear vice-presidentes da estatal. O problema porém é sobre o que já aconteceu. Vixi...

leoladeia@hotmail.com
Facebook Leo Ladeia II

Fonte: Leo Ladeia/NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias