Terça-Feira, 10 de Outubro de 2017 - 19:50 (Colaboradores)

L
LIVRE

POLÍTICA & MURUPI: FAZER SAÚDE OU COMBATER DOENÇA? - POR LEO LADEIA

Que o exemplo possa ocorrer noutras prefeituras com mais escolas, até particulares e mais departamentos como contabilidade, direito, economia, antropologia, engenharia, pedagogia, veterinária etc. em todo estado. Gostei


Imprimir página

1-Candidatura avulsa

Será que o tema vai empolgar? Será que o cidadão pode disputar uma eleição sem estar atreladoa partidos? E o financiamento? Pois é... cheguei aqui e travei. Tem gente de todo tipo. Gente que tem muita grana e precisa lavar, ou com uma quadrilha para manter, ou tráfico pra tocar.

Realize: o chefão do PCC, CV, ADA ou coisa do tipo sem usar partido e detonando tudo. “Zulivre”. E o esperto ficha limpa que só quer a grana do fundão? “Zulivre” de novo. Isso não vai dar certo. 

2-Fazer saúde ou combater doença?

A Prefeitura de Porto Velho e a UNIR estão juntas num projeto em que todo mundo ganha. Alunos da UNIR irão para os postos de saúde.

Estagiários terão a oportunidade de vivenciar na prática o que viram em sala de aula, supervisionados por duas instituições comandadas pelos médicos Ari Otti, Reitor da UNIR e Orlando Ramirez, Secretário de Saúde que sabem das nossas carências e apostam na transversalidade como solução para saúde e escola. Que o exemplo possa ocorrer noutras prefeituras com mais escolas, até particulares e mais departamentos como contabilidade, direito, economia, antropologia, engenharia, pedagogia, veterinária etc. em todo estado. Gostei

3-Lobby do taxi

As empresas que exploram Uber, Cabify e 99 entregaram à Mesa da Câmara dos Deputados 800 mil assinaturas contra o PLC 28/2017 que praticamente acaba com Apps de mobilidade.

Os taxistas querem a regulamentação paratornar o mercado justo. Para o pessoal dos aplicativos a coisa é outra: "Se isso acontecer, se projeto for aprovado, o que não chegou a ser debatido pode virar lei a qualquer hora e inviabilizar o usodos aplicativos no país". E sobre taxistas e transporte intermunicipal? Nada? O pau que da em Chico é mesmo que dá em Francisco, ou como prefere Zé de Nana “quando a cabôca Jurema dá a vorta, a boca paga quem não sigura a língua”

4-Rondônia é outro papo I

450 policiais da PF e 25 agentes da Receita cumprem 104 mandados de busca e apreensão, 45 mandados de prisão preventiva, 15 de prisão temporária, 12 conduções coercitivas, sequestros de bens móveis, imóveis e bloqueio de contas bancárias em Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Pernambuco, Paraíba e Rio de Janeiro em duas operações contra o tráfico internacional de drogas, Oceano Branco e Contento.

As investigações ocorrem desde 2016 e levaram à apreensão de mais de 10 toneladas de cocaína no Brasil e Europa. Apesar da nossa fronteira, estamos livres.

5-Rondônia é outro papo II

Os caminhões frigoríficos são disputados no mercado de São Paulo. Boi de primeira qualidade, peixes e é o começo. O camarão virá e também a madeira certificada, tudo de primeira. Rondônia é o segundo maior produtor de peixes do Brasil com mais de 74,7 toneladas produzidas em 2016. A produção aumentou 15% em 2016 em relação a 2015. A Emater ensina a técnica para criar, manter o peixe vivo e até vender. Vivemos outro tempo. Estamos bem e é pra frente que se anda.

6-Justiça dos ricos

“O foro privilegiado é uma exceção não justificada no sistema republicano e sua extinção urge”, disse o ministro Fachin no Fórum Nacional de Juízes Federais Criminais em Porto Alegre e seguiu na crítica: “Temos um sistema injusto, seletivo e desigual entre o segmento social abastado e o de cidadãos sem privilégios. Os recursos protelatórios são um dos principais entraves à eficácia da Lei Penal, pois acabam por perpetuar as causas penais e levar processos à prescrição”. Pense comigo: a lei é seletiva, haja vista que beneficia quem tem dinheiro para corromper, usar brechas e se livrar da cadeia. Será que você conhece alguém assim? Acho que sim... Claro que conhece.

leoladeia@hotmail.com
Facebook Leo LadeiaII

Fonte: Leo Ladeia/NewsRondônia

Noticias relacionadas

Banner Ale

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias