Segunda-Feira, 19 de Fevereiro de 2018 - 10:30 (Polícia)

14
Não recomendado para menores de 14 anos

HOMEM AMEAÇA ARRANCAR CABEÇA DA EX E COLOCAR NA PORTEIRA

A mulher procurou a DP da cidade de Ouro Preto, registrou ocorrência de Violência Doméstica, recorreu a Lei Maria da Penha e pediu proteção com urgência.


Imprimir página

Mulher separada do marido há 10 meses procura a Delegacia de Polícia Civil de Ouro Preto do Oeste, pela segunda vez, para pedir Medida Protetiva contra seu ex-companheiro, devido as ameaças de morte que vem recebendo. Ela procurou a polícia na noite do último sábado, registrou ocorrência de Violência Doméstica, recorreu a Lei Maria da Penha e pediu proteção com urgência.

IMAGEM ILUSTRATIVA

A última ameaça proferida pelo acusado de iniciais L.V.S., segundo a denunciante que reside na área central da cidade, foi pelo aplicativo de WhatsApp do telefone celular dele com o seguinte conteúdo: “vou arrancar sua cabeça e colocar no toco da porteira”.    Ainda segundo a mulher, o agente não aceita a separação e profere constantes ameaças conta ela com o intuito de proibir que a mesma mantenha relacionamento com outra pessoa.

Ela relatou na Delegacia que eles conviveram juntos por 8 anos, tiveram uma menina hoje com seis anos, no entanto a mesma disse que se separou dele por se tornar insuportável a convivência. Diante da gravidade da última ameaça, e pelo fato de já ter procurado a polícia, a mulher de iniciais Q.B.G. solicita medida protetiva com a máxima urgência.

HOMEM DIZ QUE VAI MATAR A EX E TODA A FAMÍLIA DELA

Outra mulher residente em Ouro Preto do Oeste, no Bairro União, também foi à Delegacia de Polícia Civil localizada na Unisp, na Avenida Capitão Sílvio Gonçalves de Farias, para comunicar ao plantonista que recebeu ameaças de morte do seu ex-companheiro de quem está separada há três meses. Segundo a denunciante, ela se encontra na casa da sua mãe, e seu ex-marido é de Machadinho do Oeste e veio para Ouro Preto do Oeste para proferir ameaças a ela e a seus familiares.

Na noite do último sábado, ela comunicou ao plantonista que seu ex-marido foi até a casa de sua mãe, e disse que se ela não voltar com ele, e se não houver apoio da família para que isso ocorra, ele vai matar sua ex-mulher e todos os integrantes da família dela. A denunciante informou na Delegacia que seu ex-marido é muito violento, mora na Rua Getúlio Vargas em Machadinho, perto do “Bar do Fubá”, mas se encontra na cidade, nas imediações do Parque do Bosque, sem paradeiro fixo.

Fonte: 012 - o portal ro

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias