Terça-Feira, 28 de Novembro de 2017 - 12:37 (Cultura)

L
LIVRE

FEIRA POTENCIALIZA PRODUTOS DA SOCIOBIODIVERSIDADE DA REGIÃO DE NOVA MAMORÉ

Durante três dias, produtores, empreendedores, artistas, artesãos e indígenas da região tiveram a oportunidade de divulgarem seus produtos, receberem orientações do poder público municipal e estadual, além de trocar ideias entre si, agregando conhecimento e adquirindo experiências empreendedoras.


Imprimir página

Produtos derivados do leite, castanha, açaí, plantas ornamentais, confecções, artesanatos indígenas e de outros segmentos foram alguns dos produtos expostos e comercializados na III Feira da Sociobiodiversidade encerrada na última sexta-feira (24), em Nova Mamoré. Durante três dias, produtores, empreendedores, artistas, artesãos e indígenas da região tiveram a oportunidade de divulgarem seus produtos, receberem orientações do poder público municipal e estadual, além de trocar ideias entre si, agregando conhecimento e adquirindo experiências empreendedoras.

O evento, realizado na quadra poliesportiva do Sesc Ler, foi uma iniciativa do Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog) e parceiros. Durante a solenidade de abertura e representando o governador Confúcio Moura, o subsecretário chefe da Casa Civil, Waldemar Albuquerque, destacou os potenciais da região e falou da importância da feira ao orientar a união e cooperação dos segmentos presentes para que os produtos da região avancem ainda mais. “Esta exposição é uma pequena demonstração da capacidade de produção desta localidade. Este é só o primeiro passo. Temos que empreender mesmo, o selo de Rondônia tem força”, destacou o Waldemar.

Para a empreendedora de confecções de lingerie, Lucélia Rodrigues, a oportunidade de expor e divulgar seu trabalho em uma feira é tão importante que a comercialização. “Muitas pessoas que passaram por aqui parabenizaram o trabalho e pegaram nosso contato, além de surgirem algumas propostas para que possamos disponibilizar nossas peças em lojas. Como estou começando agora, já estou mais animada para continuar”, destacou Lucélia.

Além de proporcionar intercâmbios de conhecimentos e experiências, aumentar a visibilidade da produção local no segmento da sociobiodiversidade, os expositores participaram da roda de conversa com a diretora executiva da Superintendência de Juventude, Esporte e Lazer (Sejucel), Eloisa Bertolleti, que orientou sobre a aquisição da Carteira Nacional do Artesão, o projeto Identidade Jovem e o Bolsa Atleta, programas implantados em Rondônia pelo governador Confúcio Moura.

O evento teve como principais parceiros a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater), a Secretaria de Estado do Desenvolvimento (Sedam) e Sesc Ler.

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias