Sabado, 09 de Junho de 2018 - 12:09 (Polícia)

16
Não recomendado para menores de 16 anos

ATUALIZADA – BOATO SOBRE AMEAÇAS DE MORTE ENTRE COMANDO VERMELHO E PCC GEROU REBELIÃO NO PRESÍDIO 470 – VÍDEO

“Eles (agentes penitenciários” dizem que está tudo bem, mas como está tudo bem se não para de chegar viatura de resgate aqui, ambulância... me diz, como é que está tudo bem ?!” disse uma familiar.


Imprimir página

Porto Velho, RO – Dezenas de familiares, principalmente mulheres, se concentraram na frente do Presídio Milton Soares de Carvalho (470), aguardando informações acerca de seus parentes. No início da tarde começou rebelião na unidade prisional localizada na Estrada da Penal, zona rural da capital.

Conforme informações obtidas pela reportagem do Jornal NewsRondônia junto a uma familiar de preso, um agente penitenciário espalhou o boato de que membros do Comando Vermelho (CV) estavam armados com serras, para atacar membros do Primeiro Comando da Capital (PCC). O mesmo agente disse aos membros do PCC que os membros do CV iriam lhes atacar, colocando uma facção contra a outra. Devido a isto, houve confusão e disparos de arma com munição não letal. Os agentes conseguiram retirar as visitas a tempo e controlar a situação.

Foi registrado incêndio, porém, não foi revelado o que estava sendo queimado. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi ao local em um caminhão de combate a incêndio. “Eles (agentes penitenciários” dizem que está tudo bem, mas como está tudo bem se não para de chegar viatura de resgate aqui, ambulância... me diz, como é que está tudo bem ?!” disse uma familiar.

Em entrevista, o gerente do sistema penitenciário, Jairo Barbosa, afirmou que a confusão iniciou devido aos presos estarem querendo regalias, fazendo os familiares reféns, para chamar atenção da mídia. Familiares ouviram este pronunciamento do gerente e ficaram revoltados.

A equipe de reportagem continua acompanhando a situação e novas matérias sobre o caso poderão surgir.

Fonte: Julio Malta - NewsRondônia (DRT 1709/RO)

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias