Terça-Feira, 09 de Janeiro de 2018 - 20:05 (Geral)

L
LIVRE

APÓS SER RECUSADO POR ÓRGÃOS PÚBLICOS, MACACO ATROPELADO É DEVOLVIDO À NATUREZA – VÍDEO

'O que mais amei foi na sua soltura, quando meu cunhado abriu a gaiola ele saiu pulando subiu numa árvore e antes de sumir na mata parou olhou pra gente como se estivesse agradecendo pelo o que fizemos.'


Imprimir página

Porto Velho, RO – No último domingo, um casal acolheu em seu lar um macaco que havia sido atropelado por uma motocicleta, na Avenida Rio Madeira. Após tentar, por diversas vezes, entregar os animais aos órgãos públicos, o animal acabou indo para a residência, onde recebeu cuidados.

Conforme foi informado, um casal estava seguindo pela Avenida Rio Madeira sentido Parque Ecológico, quando avistou o animal que havia acabado de ser atropelado. O casal juntamente com outra pessoa, cuidaram do animal e o colocaram em uma gaiola temporária, para evitar que o animal fugisse e corresse o risco de se machucar ainda mais.

Em contato com a Polícia Militar Ambiental, o casal recebeu informações que eles não dispunham de material de manejo e captura, sendo assim, não poderiam resgatar o animal. Ao ligar para o Ibama, a mulher foi informada que o órgão só trabalhava de segunda a sexta e, por se tratar de domingo, não poderia receber o animal. Na última tentativa, ao ligar para o Corpo de Bombeiros, o militar afirmou que o órgão não poderia fazer nada a respeito, pois o convênio entre o Corpo de Bombeiros e Usina de Santo Antônio havia acabado. Os animais silvestres capturados eram levados para a Universidade Federal de Rondônia (Unir), onde eram atendidos e devolvidos para a natureza. 

O animal recebeu alguns cuidados e, já mais recuperado dos ferimentos, foi devolvido à natureza. “O que mais amei foi na sua soltura, quando meu cunhado abriu a gaiola ele saiu pulando subiu numa árvore e antes de sumir na mata parou olhou pra gente como se estivesse agradecendo pelo o que fizemos".

 

Fonte: NewsRondônia

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias