Segunda-Feira, 18 de Junho de 2018 - 16:56 (Colaboradores)

L
LIVRE

APÓS ACIDENTE COM NARGUILÉ, JOVEM DJ VAI PARAR NA UTI EM PORTO VELHO

O acidente aconteceu no Espaço Alternativo, Diego Henrique, foi socorrido por uma equipe e levado para um hospital particular.


Imprimir página

Um jovem Dj de Porto Velho sofreu ferimentos graves na noite desta domingo (17) após a explosão de um equipamento utilizado para fumar narguilé*. O acidente aconteceu no Espaço Alternativo. Diego Henrique, foi socorrido por uma equipe e levado para um hospital particular. O jovem Diego Henrique, é um DJ na capital bastante conhecido.

Braços, pernas e abdome também foram atingidos pelas chamas. Ele estaria fumando o narguilé quando ocorreu a explosão. Segundo informações de amigos, o estado de saúde do rapaz é considerado grave.

Essa não é a primeira vez que acontece casos iguais a esse envolvendo narguilé. Em janeiro de 2018, um adolescente de 16 anos teve 70% do corpo queimado quando tentava acender o narguilé usando álcool de cozinha, em Cascavel. O menor foi transferido às pressas para o Hospital Evangélico em Curitiba.

Em algumas cidades do Brasil existe uma lei aprovada que proíbe o uso de narguilé em locais públicos. Menores de 18 anos também não podem comprar o equipamento utilizado para o consumo desse tipo de tabaco. Em Porto Velho, é facilmente exposto em diversos lugares como o Espaço Alternativo e algumas praças públicas. Quem quer comprar materiais para o uso também compra facilidade sem necessidade de pedir nenhum tipo de documentação.


*O narguilé é uma espécie de cachimbo de água de origem oriental, utilizado para fumar tabaco aromatizado. Além desses nomes, de origem persa, e de variantes como arguile, muito usada em certos países árabes, também é chamado de xixa (substantivo feminino), especialmente na África e em outros países de língua árabe, ou ainda hookah (na Índia e em outros países que falam inglês), entre outros nomes. Há diferenças regionais no formato e no funcionamento dos cachimbos d'água, mas o princípio comum é o fato de a fumaça passar pela água antes de chegar ao fumante. Tradicionalmente utilizados em muitos países do mundo, em especial no Norte da África, Oriente Médio e Sul da Ásia, têm-se espalhado em anos recentes também para o Ocidente (Europa e Américas).

Fonte: Juan Pantoja - NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias